quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Dia 12 - Antofagasta x Vallenar - 711 kms

Depois de uma noite revigorante no hotel Spark, partimos rumo a Vallenar. Mas antes iríamos a Mão do Deserto. Ponto alto do dia e também nome da nossa expedição. 
Mas antes deixa eu comentar sobre o hotel. Alto padrão, camas amplas, ar condicionado (raro até agora) e um digno café da manhã brasileiro. Saímos do hotel as 08:30, a temperatura era bem agradável, na casa dos 20º, porém o céu azul já demonstrava como seria o dia. 
Pegamos a ruta 5 e depois de uns 50 kms estávamos avistando a famosa mão do deserto de longe. Saímos da estrada e andamos alguns metros pela terra do deserto. A visão era magnífica é muito emocionante, foi um dia muito especial. Alguns turistas estavam por la. Deixamos que tirassem suas fotos para depois tirarmos as nossas que foram muitas. A mão estava linda, sem pichações e com aquele sol maravilhoso estava perfeita. Missão cumprida. Mais um sonho realizado nesta viagem. Hora de partir. 
Por sugestão do amigo beto, pegamos a ruta 5, porém como se estivéssemos retornando e voltamos uns 15 kms. Para pegar uma estrada que chega até a cidade de Paposo. A ideia de ir por esse caminho era quebrar a monotonia do deserto. Essa estrada tem uma linda serra que chega até o mar e de lá vai pq costa por um bom tempo até tomarmos a ruta 5 novamente. 
A Ruta 5 está passando por grandes obras. Pegamos vários controles onde estava parado e alguns desvios de estrada de terra. Numa dessas paradas me desequilibrei quando a sara foi subir na moto e tombamos. Ela foi guerreira, ainda ajudou a segurar a moto, felizmente nada grave. O Alencar me ajudou a levantar a moto e seguimos viagem. 
Chegamos em copiapo já era 5 da tarde. Estávamos muito cansados devido aos ventos laterais e contra que pegamos. Paramos num posto e sentamos no restaurante para comer. Pedimos 3 pratos de Lomo a lo pobre. Gigante! Lá também estava um motociclista de Honduras que está indo para o ushuaia. Pensa que aventura, ele está sozinho e vai encontrar alguns amigos em Buenos Aires. Não iremos até lá, porém nosso adesivo vai viajar com ele. Que faça boa viagem.
De copiapo até Vallenar rodamos mais 160 kms por uma estrada duplicada. Ah, os pedágios foram altos hoje. 4 no total. E em todos as motos pagam. 
Chegamos em Vallenar as 19 horas local, fomos para p hotel onde o senhor José nos esperava. Uma recepção excelente. Ele nos deu água e foi muito receptivo. 
Agora é dormir e amanhã rodar mais 600kms até Los Andes. Quase Argentina novamente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário